Entrevista a Ramon Pelegrí, diretor da COMPO EXPERT em Espanha

“Somos uma das empresas que tem um maior investimento em I&D&I relativamente à faturação.”

Citamos a entrevista realizada a Ramón Pelegrí, diretor da COMPO EXPERT Espanha, pela iniciativa Feeding The World, da qual somo sócios.

Andrea Villarino.- Qual é a missão e os valores da COMPO EXPERT? Qual o papel da inovação nestes?

Ramón Pelegrí.- Na COMPO EXPERT definimo-nos como especialistas em nutrição vegetal e neste sentido é absolutamente necessário a incorporação contínua de novos produtos e novas tecnologias, isto é, inovação constante.

Esta inovação é focada em disponibilizar aos nossos clientes soluções agronomicamente viáveis mas também sustentáveis, tendo o conta o meio ambiente e a otimização dos recursos.

A. V.- Desde a sua entrada como diretor geral da COMPO EXPERT, que balanco faz deste período? O que mudou na empresa desde então?

R. P.- Eu considero um balanço muito positivo, tanto no que diz respeito à evolução dos números da empresa mas também pela nova visão estratégica que a COMPO EXEPERT tem atualmente. Há uns anos atrás, os principais produtos da nossa empresa eram os fertilizantes granulados, mas neste momento e apesar de continuarem a ser uma gama de produtos muito importante para nós, temos as famílias de produtos para fertirrigação (Hakaphos, Basaplant y Novatec Solub) e os foliares, correctores y bioestimulantes (Basfoliar, Vitanica, Basafer, Kamasol, etc.)  que são agora muito mais importante que os granulados.

Houve uma mudança estratégica na empresa, focada numa maior especialização em nutrição vegetal. Cremos que este é o caminho certo.

A. V.- Como é que uma aposta mais firme na inovação pode influenciar o mercado dos fertilizantes?

R. P.- Tentamos desenvolver produtos de última geração que simplifiquem e facilitem a nutrição das culturas, que o agricultor possa obter um rendimento ótimo da sua produção; mas o COMPO EXPERT vai mais além, minimizando ainda o impacto ambiental das aplicações por utilizar a tecnologia mais eficiente que permite reduzir o número de aplicações e os gastos com combustível.

Outra das apostas é integrar nos fertilizantes soluções que ajudem a combater os principais problemas fitossanitários das culturas, permitindo que estas tenham um melhor desenvolvimento e de forma mais sustentável.

A. V.- Quais são as principais medidas que a COMPO EXPERT tomou para impulsiona a inovação no seu sector?

R. P.- Somos uma das empresas que te maior investimento em I&D&I em relação à faturação. Historicamente tem sido assim e continuará da mesma forma. O nosso objetivo é desenvolver novas tecnologias, noas moléculas e novas formulações e para isto contamos com o apoio dos centros de investigação e outros organismos melhor posicionados nestas áreas onde queremos desenvolver os nossos produtos, de acordo com as culturas e zonas climáticas onde trabalhamos. Isto permite-nos trabalhar num amplo leque de condições, desde zonas semidesérticas ate nas culturas tropicais da costa oeste de África.

A. V.- Em que linhas de inovação trabalha a empresa atualmente?

R. P.- Estamos a trabalhar em várias linhas de produtos que podemos definir basicamente como produtos que permitem reduzir o consumo de água nas culturas (KAMASOL AQUA); produtos que nos permitam produzir em condições de elevada salinidade (BASFOLIAR PRESAL y KAMASOL CA); produtos com inibidores da nitrificação que nos permitem, entre muitas outras coisas, reduzir as perdas de N por lavagem ou lixiviação (NOVATEC); produtos com inibidores da urease (NEXUR) com uma dupla molécula inibidora que permite minimizar as perdas de N por volatilização da Ureia; produtos com microrganismos benéficos. Incorporamo-los em várias linhas de produtos que englobam diferentes culturas e estados, desde em fases iniciais, (EASYSTART BS), microgranulados para as áreas verdes,(FERTILIS), produtos para fertirrigação (NOVATEC SOLUB 21 BS),...

Utilizamos microrganismos com o objetivo de potenciar os seus efeitos positivos e para manter as plantas no seu estado ótimo de saúde; e produtos com substâncias bio ativadoras que ajudam ao bom desenvolvimento da planta, principalmente como resposta a momentos de stress, permitindo que esta possa aproveitar os nutrientes disponibilizados da melhor forma(VITANICA, BASFOLIAR KELP).

AV.- Que razões levaram a COMPO EXPERT a comprometer-se com a sustentabilidade agrária?

R. P.- Desde o seu início e enquanto gerência da BASF, a COMPO EXPERT tem vindo a desenvolver um conceito de produto inovador, com tecnologia de alta qualidade. Hoje é reconhecida como uma das principais empresas nestas áreas.

Como complemento a isto, desde que é COMPO EXPERT que queremos ser uma empresa do sector privado que contribui para atingir os 17 objetivos para o desenvolvimento sustentável estabelecidos pela ONU para erradicar a pobreza, proteger o planeta e assegurar a prosperidade para todos. Cada um destes objetivos tem metas especificas que devem ser alcançadas nos próximos 15 anos e nós queremos contribuir para alcançar o que afetam diretamente o nosso sector.

A. V.- Que desafios enfrentará o sector dos fertilizantes nos próximos anos em termos de inovação?

R. P.- Os desafios são muito importantes e cremos que devemos enfrentá-los de forma global. Entre eles destacaria o aumento da população mundial, os problemas cada vez mais frequentes relacionados com a seca, temperaturas extremas, salinidade excessiva, contaminação do planeta, redução das superfícies agrícolas, redução do uso de pesticidas, etc.

Todos estes desafios levam-nos a procurar formas de nutrição vegetal mais eficientes e que respeitem mais o meio ambiente, com base em microrganismos, bioestimulantes, bioativadores e outras tecnologias especificas e integradas para completar um ciclo sustentável.